promoções de final de ano

Promoções de Final de Ano: aprenda a planejar e lucre mais

Os últimos meses do ano são muito produtivos para o comércio e varejo em geral. Além da injeção de dinheiro no mercado por meio do 13º salário, as datas comemorativas são propícias para a troca de presentes. Por isso, para aproveitar o embalo e aumentar a lucratividade, é preciso aprender a planejar as promoções de final de ano.

Além de definir as margens promocionais, quais produtos entrarão em liquidação, de que maneira divulgar com eficiência e outras questões essenciais, é importante considerar o aumento do movimento na loja e garantir não apenas estoque para atender a todos os consumidores, como também uma equipe qualificada para estar à frente das negociações.

Seja sua loja física, seja virtual, seu cliente precisa ter uma experiência positiva de compra — e isso passa pelo bom atendimento. Quer organizar promoções de final de ano com eficiência e aumentar a lucratividade? Listamos algumas dicas abaixo. Confira quais são elas e comece já a preparação!

Aproveite as datas oportunas

O fim de ano conta com três datas muito importantes para o comércio. Em novembro, a Black Friday. Em dezembro, o Natal e, em janeiro, o Ano-Novo. Por isso, é necessário se antecipar e desenvolver ações específicas para cada uma delas.

A Black Friday, já amplamente difundida no Brasil, é tradicionalmente uma promoção norte-americana na qual os preços caem vertiginosamente. Por lá, ela serve para limpar o estoque para a chegada dos itens que serão comercializados no Natal.

No Brasil, pouco a pouco, a promoção vem ganhando força e conseguindo o mesmo feito. A Black Friday acontece na última sexta-feira de novembro, quase 1 mês antes do Natal.

Entretanto, é necessário oferecer promoções reais e vantajosas para os clientes, já que maquiar preços ou anunciar descontos inexpressivos gera má publicidade e, consequentemente, efeito reverso — ou seja, queda nas vendas e no lucro.

Se você tem produtos em estoque e quer negociá-los para receber itens para vender com foco no Natal, aproveite a Black Friday.

Já o Natal é uma data em que os lojistas não costumam oferecer descontos em produtos, mas, sim, trabalhar com outros tipos de promoções, como o “compre e ganhe” ou os sorteios para os consumidores.

A cada valor definido em compras, o cliente recebe um cupom para participar de um sorteio de algum item de valor. Dessa forma, as vendas são estimuladas sem que seja necessário reduzir a margem de lucro.

Com relação ao Ano-Novo e ao mês de janeiro, as liquidações também são tradicionais. Dessa vez, o lojista precisa vender o estoque que sobrou do Natal, sendo importante oferecer descontos atrativos e condições de pagamento diferenciadas.

Pense na divulgação

Você já sabe quais são as datas e os tipos de promoções de final de ano, mas o planejamento está longe de terminar. É necessário pensar na divulgação da ação. Caso tenha uma loja física, as condições promocionais precisam estar à vista na vitrine para todos que passarem por ela.

Também é necessário fazer a divulgação nas redes sociais, desenvolver campanhas de e-mail marketing para sua base de clientes e até mesmo considerar inserções nos meios tradicionais de comunicação, caso você já tenha costume de anunciar dessa forma. Se a loja é online, as dicas são as mesmas, com exceção da vitrine.

É importante conhecer o perfil do seu consumidor e manter uma base de clientes já fidelizada para nutri-la com dados sobre promoções sempre que iniciar uma campanha.

Estabeleça metas e prazos

Ao lançar uma promoção, é imprescindível estabelecer metas e prazos. Definir qual é seu objetivo de venda e de lucratividade ao início da ação e fazer uma mensuração ao final é essencial para identificar pontos de melhoria, identificar padrões e conhecer o comportamento do seu público diante de uma ação promocional.

Para que todos esses dados sejam válidos e possam, de fato, ser considerados dentro de um planejamento estratégico, é preciso determinar prazos para a duração das promoções. Apesar de a Black Friday durar apenas 1 dia, ela pode se estender por toda a semana. A definição do prazo fica a seu critério. O mesmo vale para as ações de Natal e Ano-Novo.

Explore as oportunidades de troca

Como o aumento das vendas é, geralmente, acompanhado por um crescimento no número de trocas de produtos, é necessário aproveitar esse período. Capacitar seus vendedores para identificar oportunidades, fazer demonstrações de outros itens relacionados ou mesmo atender com primor um cliente que não deseja adquirir nada além, mas apenas realizar a substituição de um presente, é muito importante.

O período de troca, além de ser uma oportunidade de incrementar a venda para o consumidor, é ainda um momento para apresentar a sua loja e os demais itens à venda a pessoas que ainda não são clientes, mas, sim, clientes em potencial.

Nesse momento, conseguir dados cadastrais para iniciar um relacionamento via e-mail ou mesmo pelas redes sociais é importante para garantir a divulgação de novidades, ações promocionais etc.

Conte com um software de gestão

Por fim, uma dica muito importante e que gera um enorme diferencial competitivo com relação aos seus concorrentes é contar com um software de gestão. Dessa forma, você consegue gerenciar o estoque, os preços, a emissão de nota fiscal, a gestão de compras, a compilação de dados sobre lucratividade e número de vendas, acompanhar as transações em cada ponto comercial, promover auditoria fiscal e muito mais.

Além de conseguir realizar todas essas tarefas de maneira segura, ágil e eficiente, você tem em mãos relatórios com dados relevantes e necessários para o planejamento das promoções de final de ano.

A tecnologia é uma enorme aliada dos empresários e precisa ser utilizada para otimizar as atividades, reduzir erros, fornecer relatórios e garantir segurança em todas as transações.

Conforme mostramos ao longo do artigo, é necessário planejar as promoções de final de ano de maneira estratégica para aumentar a lucratividade.

Aproveitando a sazonalidade, estabelecendo metas e objetivos de venda para cada data comemorativa, divulgando de maneira eficiente, selecionando o tipo adequado de promoção, estabelecendo prazos e, principalmente, contando com um software de gestão especializado para gerenciar o estoque e a cotação dos preços, o fim de ano tem tudo para ser um sucesso!

Ficou com alguma dúvida sobre o planejamento de promoções de final de ano ou quer compartilhar conosco a sua experiência à frente da sua loja? Deixe um comentário no post e entre para a conversa!

materiais-gratuitos-gestao-fiscal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This