Tipos de nota fiscal: entenda o que é PAF-ECF, SAT e NFC-e

A rotina de trabalho de um empresário do ramo de supermercados é muito corrida e exigente. Além de dialogar com clientes, funcionários e fornecedores, é necessário utilizar as melhores técnicas em sua gestão.

Em meio a esse cenário, o uso de novas tecnologias é uma premissa fundamental para o sucesso. Elas automatizam tarefas e facilitam a obtenção de resultados positivos.

Outra questão muito importante está relacionada ao funcionamento dos tipos de nota fiscal. Todo comerciante sabe que é essencial manter o negócio na legalidade. Porém, muitos não sabem qual sistema adotar na hora de emitir esses documentos.

A falta de emissão de notas fiscais resulta em sérios problemas ao empresário, por isso, você precisa conhecer todos os tópicos desse assunto. Este post vai esclarecer todos os detalhes e explicar o que é PAF-ECF, SAT e NFC-e.

Tenha atenção em sua leitura e aproveite.

O que é PAF-ECF?

O Emissor de Cupom Fiscal (ECF) é caracterizado por uma impressora exclusiva para a emissão de cupons fiscais e possui um certificado digital próprio. Ele também é integrado ao Programa Aplicativo Fiscal (PAF-ECF) ou até mesmo a um software de gestão interligado ao PAF-ECF.

O ECF tem a capacidade de guardar em sua memória todos os cupons fiscais, assim como todas as imagens emitidas. Como consequência disso, ele sempre deve passar por processos de manutenções, que são realizadas por empresas credenciadas pelo fisco.

Ele não precisa estar conectado à internet, pois os dados são guardados em sua memória. Toda a transferência de dados é responsabilidade do PAF-ECF ou do software de gestão utilizado.

Além disso, esse tipo de nota fiscal tem uma legislação própria. Com isso, o software tem várias rotinas que são exclusivas para atender às exigências do fisco, sem que isso beneficie o usuário.

Por exemplo: o PAF-ECF exige uma instalação local do banco de dados com informações redundantes. Por isso, o tamanho dessa solução é muito grande, o que pode atrapalhar o desempenho da máquina.

O que é SAT?

A sigla SAT representa o Sistema Autenticador e Transmissor. Ela está em funcionamento desde novembro de 2014 e foi criada para documentar digitalmente todas as operações e arquivos do varejo. Esse equipamento é reconhecido pelo fisco e transmite as informações de venda da empresa para a Secretaria da Fazenda.

Ela vem substituindo o ECF, pois simplifica os trâmites legais dos tributos. Ademais, ela não precisa estar conectada à internet 24 horas por dia. Caso a conexão apresente falhas ou esteja inoperante por algum período, ela armazenada os dados e os transmite assim que a conexão é restabelecida.

Para que tudo isso seja possível, ela funciona através de um programa de computador fornecido por uma empresa credenciada pela Secretaria da Fazenda. Não se esqueça que também é necessário o uso de um equipamento para a validação e autenticação do cupom fiscal.

O que é NFC-e?

A Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) é um documento semelhante à Nota Fiscal Eletrônica (NF-e). Ela é utilizada para vendas ao consumidor final, sendo transmitida pelo supermercado para a Secretaria da Fazenda pela internet no momento da compra.

A gestão deve ter um certificado digital e respeitar as regras de contingência no caso de falta de conexão à internet. Seu principal benefício é o fato de não precisar instalar equipamento nenhum no local de trabalho, como é o caso dos outros tipos de nota fiscal.

Dessa forma, você pode utilizar qualquer impressora não fiscal, o que não exige autorização da Secretaria da Fazenda. Não se esqueça que ela é um documento emitido e armazenado digitalmente, portanto, você não precisa imprimi-la. Ademais, você pode emiti-la de qualquer aparelho móvel, como celulares e tablets.

Como fazer uma escolha entre os tipos de nota fiscal?

Escolher o melhor tipo de nota fiscal para o seu negócio é uma tarefa complicada. Por isso, é muito importante conhecer as vantagens e desvantagens de cada uma delas. As obrigações fiscais de um supermercado variam de acordo com o estado em que você está operando.

Desse modo, consulte o seu contador ou até mesmo os órgãos competentes para tirar dúvidas. De qualquer forma, sabia que você deve guardar o documento fiscal por, pelo menos, cinco anos independentemente do tipo de nota fiscal adotado. Quem descumpre essa exigência tem que pagar multas, e você deve evitar essa situação a todo custo.

O ECF é um sistema que vem sendo substituído, pois não é eletrônico e não oferece a segurança necessária. Além disso, ele aumenta o tempo para que a informação chegue até a Secretaria da Fazenda.

De qualquer forma, você precisa trabalhar com um software de gestão fiscal atualizado às legislações existentes e que seja eficiente. Algumas soluções já apresentam o armazenamento de dados na nuvem, o que dinamiza a sua rotina de trabalho e permite a análise de documentos a qualquer hora e lugar.

A segurança também é outra questão muito importante nessas horas. Algumas pessoas acreditam que o armazenamento de dados na nuvem é prejudicial, pois deixa os dados do supermercado expostos.

Na verdade, essa função executa várias cópias de um mesmo arquivo e as armazena em inúmeros servidores. Com isso, caso uma delas dê problema, você não perderá informação nenhuma.

É válido lembrar também que esse tipo de solução tecnológica passa por constantes transformações e adaptações às mudanças do mercado. Assim você conta um serviço que é sempre atualizado e de acordo com as expectativas dos consumidores.

Percebe-se que existem várias questões para analisar antes de escolher entre os tipos de nota fiscal. Com a leitura deste post, você aprendeu um pouco mais sobre o assunto e descobriu as particularidades de cada exemplo.

Antes de tomar qualquer tipo atitude, verifique as legislações do estado em que você atua e mantenha a sua empresa na legalidade. Também trabalhe com um parceiro que oferece um software de gestão de qualidade que melhora as rotinas em seu supermercado.

O que você achou do nosso conteúdo? Quer aprender mais sobre os tipos de nota fiscal e uma gestão de qualidade? Então leia este outro post e descubra mais!

materiais-gratuitos-gestao-fiscal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This