Como o uso da tecnologia pode ajudar no crescimento da empresa?

Acostumamos a ouvir constantemente, várias notícias sobre o uso da tecnologia aplicada à todas as áreas: de negócios, educação, ciência, robótica, entre outras áreas.

Todo esse panorama parece tão moderno e caro quando está longe do nosso acesso, mas isso não é verdade. Existem várias formas de aplicar a tecnologia nas nossas empresas e seus resultados são bastante práticos.

Se você ainda não consegue enxergar direito como o uso da tecnologia pode ajudar a sua empresa, veja a lista dos principais benefícios que identificamos!

1. Mais vendas

Sem dar muitas voltas no assunto, vamos direto ao tema que todo dono ou gestor de negócios está mais preocupado: proporcionar um faturamento maior no final do mês.

Empresas que tendem a ser mais resistentes quanto ao conhecimento e adoção de novas tecnologias, geralmente acabam sendo engolidas pelo mercado.

Claro que não estamos falando para você sair gastando toda sua verba em ferramentas, softwares e aparatos recém-lançados. O negócio é conseguir conhecer, entender e saber aplicar o que está disponível para gerar mais resultado na sua empresa.

Seja imprimindo um ritmo maior na sua produção, economizando tempo em alguns processos, atendendo melhor o cliente ou diminuindo desperdícios, a tecnologia bem aplicada vai sim conseguir melhorar seus resultados.

Se ainda tem alguma dúvida, basta lembrar do que ocorreu com o mercado das livrarias: aquelas que pararam no tempo perderam todo o mercado (ou quase todo) para as que se modernizaram usando serviços atualizados de entrega e também lojas virtuais na internet.

2. Melhor relacionamento com os clientes

O uso da tecnologia não está restrito aos processos de produção, divulgação, entrega e controle de processos. Ela também abrange, de maneira muito produtiva, todo o atendimento ao cliente, desde o início até depois da finalização das vendas.

Para entender melhor, basta lembrar das ferramentas voltadas para o marketing como, por exemplo, e-mail marketing, marketing de conteúdo, relacionamento através das mídias sociais e até mesmo algumas iniciativas voltadas para o ponto de venda (PDV).

Esse aprofundamento do relacionamento com o cliente é fundamental para evoluir o seu planejamento e estratégias de vendas, acompanhamento de tendências de consumo e melhoria no que diz respeito ao entendimento das necessidades e desejos dos clientes.

3. Processos mais rápidos

Imagine uma grande empresa que possui um número considerável de setores, departamentos e processos complexos que envolvem participantes de várias áreas ao mesmo tempo.

É impossível acreditar que demandas como estas sejam realizadas de maneira totalmente física e burocrática. Isso porque já sabemos que os ERPs, aqueles softwares que fazem a gestão e a integração de setores e processos, são largamente utilizados nesses casos.

Melhor exemplo não há do que o setor bancário. Há algumas décadas atrás, o saldo da sua conta em um banco era calculado manualmente e você demorava algumas semanas somente para saber quanto de dinheiro tinha em seu nome.

Em uma sociedade de consumo mais dinâmica e articulada, como a que vivemos hoje, não há a menor chance para empresas que estejam com pouco ou nenhum nível de automação dos seus procedimentos internos.

4. Controles mais eficientes

Pegando uma carona ainda nas soluções de ERPs que acabamos de tratar no item anterior, é muito importante que se tenha um bom domínio de toda a situação que envolve o seu negócio quando o assunto é gestão.

Com várias operações acontecendo ao mesmo tempo, e envolvendo departamentos e recursos internos da sua empresa ou parceiros e até mesmo clientes, um bom controle vai fazer a diferença entre você ficar perdendo tempo organizando tudo ou aproveitando para conseguir fazer melhorias no seu negócio.

Atualmente, existem vários fornecedores que disponibilizam ferramentas de gestão de negócios com relatórios em tempo real e que podem ser consultados tanto do seu computador no escritório, quanto no seu celular onde quer que você esteja.

O melhor de tudo é que estas ferramentas já oferecem uma ótima maturidade, o que faz com que se adaptem muito bem às regras do seu negócio, podendo ser moldadas ou mesmo recriadas para cuidar de todas as exceções que você precisar. Tudo isso de maneira rápida e intuitiva.

5. Aumento da produtividade

Com sistemas orientados a diminuir o retrabalho, e também que oferecem controles precisos, é possível conseguir enxergar com mais facilidade os gargalos e desperdícios de um negócio em operação.

Dessa forma, fazer uma melhor alocação de recursos, sejam de tempo, financeiro ou ainda humanos, fica mais assertivo e lucrativo para a sua empresa.

Tudo isso é possível pelo aumento do volume de produção em escala. Esse modelo tem a tendência de diminuir os custos de produção proporcionalmente perante os mesmos recursos disponíveis.

Para não ficar muito no campo da teoria, vamos aplicar uma abordagem mais prática. Imaginemos um supermercado com um controle de estoque que não seja automatizado e exija mais pessoas para fazer a sua gestão, e também a programação das compras a serem feitas quando for necessário o reabastecimento.

Suponha que seja adotada uma ferramenta de controle de estoque que consiga alertar a hora exata para a realização de novos pedidos e forem indicados produtos com prazos que se aproximam do vencimento, para que sejam feitas ofertas aos consumidores no momento ideal.

Com isso, será possível otimizar o resultado das vendas não perdendo produtos por expirarem seus prazos de validade e também será aumentado o rendimento do negócio, não deixando que estoques fiquem com falta de mercadoria. Será possível, inclusive, avaliar um redimensionamento do espaço necessário.

6. Ganho de competitividade

Considerando todos os itens anteriores, fica evidente a melhoria dos processos internos, potencialização de vendas e redução do custo operacional do negócio perante os rendimentos proporcionados.

Trocando tudo isso em miúdos, o grande resultado é: menor custo com maiores resultados, o que significa ganho de competitividade.

Aumentar o resultado líquido da empresa é o que todo dono ou gerente de negócios busca e é também a chave para a sobrevivência no mercado.

Mantenha seu empreendimento alinhado com o que há de mais rentável no mundo da tecnologia para negócios e garanta uma vida mais longa confortável.

Se quiser entender melhor como o uso da tecnologia pode ajudar sua empresa a se organizar e crescer mais, entre em contato conosco e vamos conversar mais sobre o assunto.

materiais-gratuitos-gestao-fiscal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This